Viagem à Orlando – Primeiro dia nos EUA: dia 23/12/2009

Apesar de o meu blog ser de natureza estritamente profissional, vou falar da viagem que estamos fazendo nesse momento, pois para mim está sendo um sonho. Finalmente estou em Orlando, na Flórida, a terra do entretenimento dos nossos amigos (ou para alguns, inimigos rs) norte-americanos. Tenho uma agenda toda marcada que estou tentando seguir à risca, mas é meio complicado hehehe…
Era para eu escrever no meu blog desde que cheguei, no dia 24, mas só Consegui parar um pouco agora rs. Sou chato com o português, mas tenho que escrever tudo rápido. Qualquer erro, me desculpem…
 
Nosso primeiro dia nos EUA: dia 23/12/2009
Bom… a viagem foi tranquila. Nunca tinha viajado tanto tempo dentro de um avião. Ficamos cerca de 8 horas em vôo para Miami, com escala de mais 1 hora para Orlando. Como viajamos durante a noite, tentei tirar um "longo conhilo", que deveria "substituir" a noitada. Não foi bem assim. Até que dormi, mas ficar sentado no banco do avião não é nada confortável rs..
 
Chegamos tranquilo à Miami. Lá, fizemos nossa "primeira compra" em dólares. Passamos em uma lojinha para comprar a única lembrança de Miami. Até que não foi tão difícil pagar hehe. Passamos no primeiro teste. Tudo normal. Me pararam na alfândega e me revistaram completamente (tive até que tirar os sapatos e ficar esperando uma agente passar detector de metal por cima de mim). Será que a minha cara de medo estava me condenando? Como eu estava regular, passou tudo normal e finalmente pegamos o vôo para Orlando! Eeeee…
 
Descemos do avião. Tudo pronto para resgatar o carro pré-alugado. Não foi tão difícil, mas nos enrolamos com o atendente até entender o carro que iríamos pegar. Para a minha surpresa, fiquei com um NISSAN ALTIMA esportivo. Carro show de bola. Fiquei "treinando" o câmbio automático e os botões do painel na garagem, até aprender sozinho rs. Que manual de ajuda que nada! Liguei o GPS do meu celular e fomos direto para o hotel. Minhas primeiras impressões: cidade limpa, asfalto perfeito, carros que nem se comparam ao Brasil, trânsito tranquilo e com motoristas educados. Outro nível!
 
No hotel, mais uma enrolada para conseguir o quarto, mas até que nos saímos melhor do que esperávamos. Conversar com vários americanos nativos está sendo uma experiëncia nova para mim. É bem diferente de conversar com alguém que aprendeu inglês no Brasil.
 
Bom, e vamos para as ruas. Descarregamos o carro e saímos. Almoço: KFC, o restaurante que não existe mais no Brasil. Nossa primeira experiência em fazer um pedido. O frango estava muito bom. Paradas no Prime Outlet. Comprinhas básicas na Nike e outras lojas. É impressionante a diferença de preços com o Brasil!
 
Na volta… queria passar na Best Buy à noite e nos perdemos na rua rs… Sim, eu estava com o GPS ligado. Só que eu não tinha o endereço correto da loja e colocamos uma numeração nada a ver com o que realmente seria. E aqui aconteceu algo marcante para mim nessa viagem: estava num semáforo em uma avenida muito larga (Kirkmann). Resolvi perguntar sobre a Best Buy para um carro que estava parando à minha esquerda. Quando abro o vidro, me deparo com um americano com pinta de filme de cinema: carro grande, antigo e quadradão (estilo "rolls royce"), senhor negro de uns 55 anos, terno creme no estilo, de óculos e chapéu, com a sua família. Sua mulher parecia uma dama, toda estilosa e também de chapéu. Me senti em Hollywood. Ao questioná-lo, o semáforo abriu. Para a minha supresa, em plena avenida de umas 6 faixas, ele pede para eu encostar no acostamento. Saiu do carro e veio para a minha janela explicar passo a passo, muito gente fina, com uma voz rouca e grossa que marcou ainda mais a cena de "cinema". Ele foi prestativo até demais. Que Deus o acompanhe! Fiquei extremamente admirado com a forma como ele nos ajudou.
 
Chegamos lá e fizemos mais algumas compras de eletrônicos. Por fim, voltamos cansados para o hotel, lá pelas tantas da madrugada.
 
Pretendo continuar a minha história dia-a-dia. Para adiantar, seguem fotos que tenho tirado durante esses dias.
 
Só uma finalização: esse lugar é realmente maravilhoso!!! Demais!!! Apenas estando aqui para sentir!!
 
Abraços a todos.
 

 

Meu carrão!!! Nissan Altima! Tira o olho que é meu!!

 


Enfrentei meu primeiro café americano tradicional: ovos, bacon e panqueca. Tava bom, mas fui pra casinha umas 4 vezes depois rs.

 
 
The Lost Continent: o mundo perdido na Universal (entramos lá dentro!)
 
 
Jurassic Park: lado de fora. Muito legal.
 
A entrada do Jurassic Park
 

O melhor da Universal!!!

 
As fotos a seguir dispensam comentários: Magic Kingdom na Disney. É simplesmente inacreditável.
 
 
 
 
 
 
  1. #1 por maria em 18 de agosto de 2012 - 20:46

    Seus comentários me foram muito úteis. So gostaria de saber o nome desse hotel que você ficou, que dá para ir à pé para os parques da universal.

  2. #3 por maria em 4 de outubro de 2012 - 0:28

    Obrigada pela informação. Tentei votar no “Gostei” em epígrafe, não sei se consegui. De qualquer forma, fico grata pela solicitude. Abraços!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: